segunda-feira, 16 de abril de 2012

Loucura

Um dia alguém pode achar alguns papéis não publicados. Muito mais que aqueles expostos, esses papéis determinam, de certa forma, uma personalidade escondida de um louco.

Desejos sombrios esquecidos pela tinta azul; devaneios riscados, grafados pela mão trêmula. Sinais de instabilidade que não podem, quase nunca, ser revelados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Delire...