quinta-feira, 6 de maio de 2010

O OBSERVADOR

1. INT/SALA/DIA


Um homem chega e deixa sua pasta/mochila sobre um sofá quebrado e sujo. Ele se dirige a uma outra porta.



2. INT/BANHEIRO/DIA


Ele se olha em um espelho de corpo inteiro, decepcionado. Tira sua calça, a vemos cair no chão. Ele tira sua camisa e a joga sobre a pia. Se olha novamente. Abre uma gaveta do armário do banheiro e tira uma caixa trancada com um pequeno cadeado. Ele pega a calça e procura a chave nos bolsos, deixando a caixa sobre a camisa. Ele acha a chave, pega a caixa e a abre. Tira a cueca que está vestindo e joga-a sobre a camisa. Tira uma meia-calça arrastão preta da caixa e começa a vesti-la delicadamente. Tira da caixa, então, sapatos pretos de salto e os coloca, apoiando-se na pia em ao lado do espelho. Tira, então, um vestido e o coloca. Finalmente, tira um batom vermelho e, olhando-se no espelho, passa-o com firmeza. Se olha por inteiro no espelho e sorri. Coloca a mão direita sobre seus órgãos genitais, se gira para se olhar melhor no espelho e começa a se tocar. Seu rosto é de prazer. Ele se olha fixamente nos olhos refletidos no espelho, sorri e geme baixinho. Toca o telefone. Ele emerge de seu transe, pega um pedaço de papel higiênico e sai pela porta limpando a boca.



3. INT/SALA/DIA


Ele atende o telefone e senta-se no sofá.


- Alô? (Ele procura um cigarro dentro da mochila, acha-o e acende). Não estava fazendo nada, não... (Pausa) Estava apenas vendo um curta. (Ele diz, tirando os sapatos, voltando à sua “realidade”)



FADE OUT

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Delire...